Sinônimo


Fonte


Definição


Ver no Glossário Creative Commons

  • LIVRE ACESSO

Artigo técnico / 2011

Uma revisão crítica de tecnologias para esvaziamento de fossas em países em desenvolvimento

Thye, Y.P., Templeton, M.R., Ali, M.

 

Resumo

O documento analisa diferentes métodos para coleta e transporte de lodos fecais, apresentando ao fim uma matriz de decisão sobre o método de coleta e transporte.
 

Ficha técnica

  • TIPO DE PUBLICAÇÃO
    Artigo técnico
  • TIPO DE ATOR
    Academia
  • IDIOMA
    Inglês
  • AUTORES
    Thye, Y.P., Templeton, M.R., Ali, M.
  • ANO DE PUBLICAÇÃO
    2011
  • LIVRE ACESSO?
    Sim
  • FONTE
    Crit. Rev. Environ. Sci. Technol.
  • Acesse aqui o site no qual o artigo foi publicado
 

Questões enfrentadas

- Mundo;
- coleta e transporte de Lodo Fecal;
- seleção de soluções para coleta e transporte de lodos fecais.
 

Soluções empregadas

As ações aplicadas são voltadas aos seguintes aspectos:
- Planejamento/ metodolodias;
- soluções e tecnologias estruturais.

Planejamento/ metodologias:

O artigo apresenta uma árvore de decisão para auxiliar na seleção das soluções mais adequadas à coleta e transporte dos lodos fecais. Os principais parâmetros considerados no modelo são:
i. Distância do sistema
ii. acessibilidade do sistema
iii. Tipo de Lodo Fecal (seco/ liquefeito)
iv. presença de sólidos grosseiros dentro do sistema
v. necessidade de equipamento complementar para transporte do lodo coletado
vi. distância do local de disposição do Lodo Fecal

Soluções e tecnologias estruturais:

O artigo analise e apresenta em maiores detalhes tecnologias manuais e a vácuo para coleta de lodo e mecanismos de transporte com tração humana, animal e motorizada, essa última dividida de acordo com a capacidade de transporte e a autonomia de viagem;
 

Resultados

A seleção de tecnologia depende primariamente da acessibidade ao sistema e da característica do lodo, sendo que tecnologias a vácuo não conseguem coletar lodos muito densos ou solidificados. Por outro lado, embora sistemas manuais consigam lidar com todos os tipos de Lodo Fecal, são pouco eficientes, apresentam maior risco para o operador e têm capacidade de transporte e autonomia de deslocamento muito reduzidos. Dessa forma, uma avaliação preliminar do sistema a ser esvaziado é essencial.