Sinônimo


Fonte


Significados


Explorar Glossário Creative Commons

  • LIVRE ACESSO

Livros / 2016

Business Models for Fecal Sludge Management About the Resource Recovery and Reuse Series

Rao, Krishna C; Kvarnström, Elisabeth; Di Mario, Luca; Drechsel, Pay

 

Resumo

O esgotamento sanitário pela gestão do Lodo Fecal (GLF) é um novo modelo que vêm ganhando espaço em países em desenvolvimento e subdesenvolvidos assim como no atendimento a assentamento não convencionais. Ao contrário de sistemas convencionais, que tem um modelo de negócio bem estruturado, desafios surgem em cada nova empreitada nesse novo sistema. Esse documento aborda, por meio de casos de sucesso, diferentes modelos de negócio para a GLF.
 

Ficha técnica

  • TIPO DE PUBLICAÇÃO
    Livros
  • TIPO DE ATOR
    ONG especializadas
  • IDIOMA
    Inglês
  • AUTORES
    Rao, Krishna C; Kvarnström, Elisabeth; Di Mario, Luca; Drechsel, Pay
  • ANO DE PUBLICAÇÃO
    2016
  • LIVRE ACESSO?
    Sim
  • FONTE
    CGIAR Research Program on Water, Land and Ecosystems (WLE)
  • Acesse aqui o site no qual o artigo foi publicado
 

Questões enfrentadas

- Mundo

- sistemas de esgotamento sanitário pela gestão do Lodo Fecal

- modelos de negócio não bem estruturados comumente levam ao fracasso na implementação desse tipo de sistema de esgotamento sanitário
 

Soluções empregadas

As ações aplicadas são voltadas aos seguintes aspectos:
- modelo de negócio

Planejamento/ metodologias:

O documento é estruturado em duas partes:
I- Análise dos modelos de negócios em GLF
- cadeia de serviço
- modelos de negócio
- fatores institucionais e de suprimento
- finanças na cadeia de serviços
II - Descrição dos modelos e estudos de caso
- modelos para acesso a unidades locais e recuperação de energia das mesmas
- modelos de coleta e transporte
- modelos conectando coleta, transporte e tratamento
- modelos com enfase em uso de produtos finais
- modelo abrangendo toda a cadeia de serviço e acesso às unidades locais
 

Resultados

Cidades que realisticamente almejam cumprir os ODS devem planejar cuidadosamente suas ações, de forma a apresentar ações e investimentos robustos e que tragam resultados reais e duradouros. Nesse sentido, a incorporação de modelos de negócio robustos e bem estruturados é essencial. O documento aborda pontos fortes e fracos, erros e acertos dos casos estudados, resultando num material não somente interessante, mas essencial para a implementação de sistemas baseados na GLF.